Excecionais na receção, os emigrantes portugueses marcaram presença num jantar de confraternização no sábado dia 1 contribuindo, assim, para que as obras de requalificação avancem e venham dar melhores condições de conforto aos bombeiros arcuenses. De registar, o fato de esta associação ser a primeira a colaborar com a direção da Associação Humanitária nesta campanha de obtenção de fundos que, naturalmente se vai prolongar nos próximos meses, em conformidade com o calendário já estabelecido com outras comunidades. Por detrás desta iniciativa esteve o incansável presidente da associação Sr. José Rodrigues natural da freguesia de Senharei e a Sra. Fernanda Alves natural da freguesia da Miranda deste concelho. Inexcedíveis na forma como recebem os seus conterrâneos estes amigos dos bombeiros, mais uma vez revelaram inequívoca demonstração de apego à terra que os viu nascer, redobrando esforços para que a comitiva arcuense se sentisse em casa.

No dia 2 domingo, a festa continuou com a atuação a partir das 15,00 horas do grupo musical Lua Cheia, concentrando no salão da associação um sem número de emigrantes que relembraram algumas músicas do seu Minho dançando, cantando e comendo as excelentes chouriças assadas e bem regadas pelo verde tinto expressamente levados pelos compatriotas Sr. Esteves do “Talho das Choças” e pelo Sr. Júlio do “Talho Açougues.” Os presentes de forma sentida manifestaram a estes dois comerciantes o apreço pela atitude de levarem até Cenon as iguarias minhotas que tantas saudades mataram, desafiando-os a estarem presentes novamente no próximo ano nesta época de entrudo.

No final da festa o presidente da Associação Humanitária Dr. Germano Amorim agradeceu expressando: “Vocês foram o primeiro exemplo do apoio incondicional à causa dos bombeiros voluntários. A manifestação de carinho que evidenciaram a esta direção ao estarem presentes neste evento de pura solidariedade incentiva-nos, cada vez mais, a continuar o périplo de dar continuidade à necessária restruturação do quartel dos soldados da paz. Aquela casa é de todos nós e a direção, em conjunto com o comando, vão continuar disponíveis para servir a comunidade contando para essa tarefa com apoio de todas as forças vivas de Arcos de Valdevez.”

Toques das Sirenes

1 Toque: Chamar motorista

2 Toques: Acidente

3 Toques: Incêndio florestal

4 Toques: Incêndio em habitação (vila)

5 Toques: Incêndio em habitação (aldeia)

10 Toques: Activação do Plano de Emergência Municipal

Informações úteis

Telefone AHBVAV: +351 258 520 300

Em caso de incêndio ligue 117

Em caso de emergência ligue 112

Contactos

 Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  +351 258 520 300
  +351 258 520 301
  Rua Soares Pereira
4970-465 Arcos de Valdevez
Lat: 41.84773361 | 41º 50' 51,83716''
Long: -8.41989747 | 8º 25' 11,62949''
 

Social